Você está em Home

Blog

» mais posts

04/08/2020 - POR REDAÇÃO

4 formas de armazenar corretamente suas garrafas de whisky

 

 

Toda pessoa amante de destilados com certeza guarda seu whisky em um lugar especial dentro do coração, afinal, a bebida é uma das mais queridas e apreciadas por todos aqueles que procuram um bom espírito.

Porém, quando chega a hora de guardar a garrafa após aberta é que surgem as dúvidas e o receio de que a bebida perca as suas essências e sabor.

Pensando nisso, resolvemos separar aqui essas 4 maneiras de armazenar corretamente suas garrafas de whisky, para ajudar na hora de manter as propriedades dessa tradicional bebida de origens ancestrais e que faz parte de momentos marcantes. Confira, a seguir:


1. CAPRICHANDO NA VEDAÇÃO

Oxigênio é o principal responsável pela deterioração de quase tudo aquilo que conhecemos e, com o whisky, não é diferente.

Pense na seguinte situação: você é um líquido que fermentou por 10,12 anos em um barril de carvalho e foi colocado em um recipiente selado de vidro específico, para não ter contato com o ar. Nitidamente, após essa garrafa ser aberta, aparecerão efeitos indesejáveis.

Por isso é importante tentar manter a garrafa mais fechada possível, mesmo após aberta. Uma dica é colocar uma rolha de cortiça para evitar a evaporação acelerada, ou colocar o líquido em uma garrafa diferente, com tampa própria para armazenamento, o que é menos recomendado.


2. ESCONDENDO DA LUZ

Há quem diga que os whiskies são como vampiros, que odeiam a luz e claridade. Brincadeiras à parte, essa teoria realmente se aplica à bebida.

Quanto maior for o tempo de exposição a uma forte incidência de raios solares ou claridade, maiores as chances de a bebida perder algumas de suas propriedades e de passar por um processo de evaporação acelerada.

Por isso, é fundamental armazenar a garrafa em um ambiente escuro, fora do alcance da luz, para manter os sabores impecáveis por mais tempo.


3. CUIDADO COM A TEMPERATURA

Outro fator importante na conservação de um bom whisky é a temperatura. Não se pode deixar a garrafa passar por bruscas mudanças, uma vez que podem (e irão) afetar diretamente em todos os pontos de sabor da bebida.

Quartos escuros como adegas ou armários em locais apropriados são uma boa pedida.

Apesar de muitos considerarem isso uma atrocidade e até uma forma de desrespeito, uma alternativa que pode ser interessante é manter a bebida na geladeira, desde que essa esteja programada a gelar a uma temperatura acima de 5 °C ou da temperatura descrita como a mínima ideal pela fabricante. Assim, os riscos de mudanças bruscas na temperatura diminuem consideravelmente.


4. CUIDE COM O TEMPO!

Muitos acreditam que quanto mais tempo esperar para beber o whisky, melhor ficará. A verdade é que o tempo de maturação só é válido para quando o líquido ainda está no barril de carvalho. Logo, a partir do momento em que é colocado em uma garrafa, só tende a perder as suas propriedades.

Caso alguém lhe ofereça um whisky 12 anos que está guardado em um armário há décadas, quando forem beber, ainda será um whisky 12 anos, apenas já correrá o risco de ter perdido diversas de suas essências.

Caso você tenha gostado das dicas, não deixe de navegar pelo nosso blog para mais informações incríveis!